WELCOME TO KONE!

Are you interested in KONE as a corporate business or a career opportunity?

Corporate site

Would you like to find out more about the solutions available in your area, including the local contact information, on your respective KONE website?

Your suggested website is

United States

Go to your suggested website

Cookies

Usamos cookies para otimizar a funcionalidade do site e para lhe dar a melhor experiência possível enquanto navega no nosso site.Se você concordar com isso e aceitar todas as cookies, basta clicar no botão 'Aceitar'.Você também pode rever a nossa declaração de privacidade.

Back to top

ABRIR AS SUAS ASAS

Na KONE, a nossa missão é melhorar o fluxo de pessoas no ambiente urbano. Para captar a essência da urbanização, nós partilhamos consigo histórias de pessoas de 17 cidades. Siga a viagem de Chen Qin Qin desde que era um estudante universitário até ser empreendedor em Chengdu, na China. Este empreendedor de 28 anos só está a começar.

"Eu tinha 21 anos. Tinha concluído os estudos na universidade e fui para Pequim em 2009 para estudar fotografia. Nos seis anos que se seguiram, eu trabalhei em escritórios, bares e como agente de atores.

Eu ia a demasiadas festas, bebia demais e odiava a poluição. Precisava de algo novo. Mudei-me de novo para Chengdu no último ano e apercebi-me da diferença fenomenal. Há dez anos, era uma cidade de nível três e, agora, é de nível dois. As ideias das pessoas mudaram. Há dez anos, não havia tantos estrangeiros e, agora, há mais pessoas de vários sítios, e eles adoram isso.

Chengdu é como Pequim era há cinco anos – um bebé. Por isso, estou tão entusiasmado por estar aqui. Agora já tenho o meu próprio negócio. Vendemos caixas de saladas ou sanduíches em Green Food. De cinco a dez caixas por dia, passamos a vender 15 a 20. O meu objetivo é tornar a minha empresa conhecida em Chengdu. Quero construir a marca e expandir o meu negócio organizando eventos. As pessoas jovens aceitam coisas novas muito rapidamente, e é mais fácil fazer negócio aqui porque ainda não existem muitos produtos sofisticados. Se eu abrisse o meu negócio noutras cidades, não seria como em Chengdu."

Partilhe esta página